Conheça o lado místico da Chapada dos Veadeiros, em Goiás

Posted on

A natureza selvagem, as lindas quedas d’água e a aura mística que envolvem a Chapada dos Veadeiros, em Goiás, atraem milhares de turistas ávidos por uma experiência turística inesquecível. Saiba mais sobre esse fantástico destino turístico do Centro-Oeste.

Porque ir à Chapada dos Veadeiros

A Chapada dos Veadeiros está localizada no maior berço hidrográfico de Goiás. Para constar, o destino turístico engloba oito cidades: Campos Belos, Teresina, Cavalcante, Alto Paraíso de Goiás, Monte Alegre de Goiás, Nova Roma, Colinas do Sul e São João D’Aliança.

Curiosamente o nome remete a 1750, quando o fazendeiro Francisco de Almeida instalou no local a Fazenda Veadeiros, onde ele cultivava trigo e café.

Ao longo dos séculos, foi-se descobrindo o potencial turístico da região após descobertas sobre a geografia da região, que tinha pontos contemplativos.

Portanto a Chapada dos Veadeiros virou ponto de encontro de místicos em Goiás. A justificativa é que o local está sobre uma enorme placa de quartzo e também é cortado pelo Paralelo 14, a mesma linha que cruza Machu Picchu, terra considerada sagrada pela antiga população inca, no Peru.

Sobretudo acredita-se que a região é fonte de energias positivas, atraindo visitantes que querem recarregar suas energias e, quem sabe, manter contato com extraterrestres.

Quando ir

Agora, se você está planejando ir para a Chapada dos Veadeiros, prefira os tempos de seca, entre maio e setembro.

Isso porque durante os meses de outubro a abril, as chuvas são mais constantes, o que dificulta os passeios nas trilhas e cachoeiras.

O que levar

Então não se esqueça de separar aquele tênis macio para caminhar pelas trilhas e visitar os montes e locais de contemplação em Goiás. Confira nossas dicas:

  • garrafa d’água
  • lanche leve
  • roupas confortáveis
  • protetor solar
  • repelente
  • óculos de sol
  • chapéu ou boné

O que fazer

Dessa maneira quem prefere um roteiro místico, pode se valer dos mirantes com vistas panorâmicas da Chapada dos Veadeiros.

Mas também há opções para os amantes de esportes radicais, como a prática de tirolesa ao lado das cachoeiras, e trilhas mais leves, por entre as matas de cerrado. Acompanhe nossas sugestões.

Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros

O acesso é feito pelo distrito de São Jorge, em Goiás. No local, o visitante tem ao seu redor 65 mil hectares de encantos naturais.

Nesse sentido são cachoeiras, piscinas naturais, flores do cerrado e mirantes que permitem a observação dos vales e das estrelas, garantindo lembranças inesquecíveis.

O parque é uma unidade de conservação brasileira listada como Patrimônio da Humanidade pela Unesco, em 2001.

Vale da Lua

Como o próprio nome revela, o Vale da Lua se assemelha à paisagem lunar. É um conjunto de formações rochosas com crateras esculpidas pelas águas do rio São Miguel.

É por isso que no período de chuvas é até perigoso visitar o local por causa das pancadas que podem causar alagamentos repentinos.

O Vale da Lua fica numa propriedade particular, aberta à visitação, no município de Alto Paraíso de Goiás e está fora do Parque Nacional.

Alto Paraíso de Goiás

O município de Alto Paraíso de Goiás é o ponto máximo do misticismo, com vários centros de meditação e massagem.

Aliás, o Paralelo 14, uma linha imaginária que atravessa Machu Picchu, passa sobre o Jardim Zen, no município.

Por isso o ponto é referenciado por uma placa de sinalização, cercada de pedras e flores, na rodovia a caminho da cidade de Cavalcante.

Mirante do Areião

Também conhecido como Mirante da Mandala ou da Estrela, o Mirante do Areião é muito procurado para admirar o pôr do sol goiano.

Ainda é considerado um ponto místico e tem uma estrela desenhada com pedras no chão.

Uma estrada de 1,5 km leva ao mirante, que fica no distrito de São Jorge. No caminho, é possível ouvir o canto dos pássaros e curtir a vegetação.

Catarata dos Couros

A Catarata dos Couros não é tão famosa quanto os outros pontos turísticos de Veadeiros, mas preserva uma beleza natural imperdível.

Portanto se você está a caminho de Brasília, a catarata fica no município de Alto Paraíso de Goiás.

O local tem poços mais fundos, ideal para mergulhos, e áreas mais rasas, ótima para crianças. Antes de ir ao local é importante se programar e contratar um guia.

Cachoeira Santa Bárbara

A cachoeira Santa Bárbara está entre os locais mais visitados da Chapada dos Veadeiros.

Aliás a beleza selvagem, a queda d’água de cerca de 30 metros e a água esverdeada do poço são de tirar o fôlego dos visitantes.

O ponto turístico de Goiás fica na área rural de Cavalcante. Para chegar ao local, é preciso percorrer uma estrada de terra por cerca de uma hora. Quem já foi à cachoeira diz que o esforço vale a pena.

Jardim de Maytrea

O Jardim de Maytrea é uma colina em Alto Paraíso de Goiás considerada sagrada pelos místicos. De uma beleza singular, a região é perfeita para observar o pôr do sol e apreciar os montes, como o Morro da Baleia.

Nos anos 80, o local sediou um festival, no estilo WoodStock, e muitos hippies que participaram do evento elegeram o ponto como local de meditação.

Onde comer

Quer provar as iguarias da culinária da região? Então, não deixe de ir aos restaurantes dos municípios que compõem a Chapada dos Veadeiros.

Rancho do Waldomiro

O Rancho do Waldomiro fica localizado na rodovia GO-239, entre Alto Paraíso de Goiás e São Jorge.

O restaurante é famoso por preparar a matula, comida tradicional da região, que reúne feijão, mandioca, farofa de carne seca e pão de abóbora.

Santo Cerrado

Drinques especiais, como a caipirinha de uva, e os risotos com ingredientes típicos da região, podem ser apreciados no restaurante Santo Cerrado Risoteria Café.

A casa fica no município de Alto Paraíso de Goiás e é muito visitada por turistas que buscam pratos gourmet.

Pizzaria Vila Chamego

Após visitar os pontos turísticos da Chapada nada melhor que terminar a noite em uma pizzaria. Uma das opções em Veadeiros é a pizzaria Vila Chamego, que tem pizzas tradicionais assadas na pedra, massas e risotos.

O ambiente é diferenciado e acolhedor. Há mesas ao ar livre, iluminação com velas e música ao vivo. A casa também tem uma variada cartela de vinhos.

Restaurante Jambalaya

Com pratos requintados harmonizados com ingredientes regionais, o restaurante Jambalaya oferece um ambiente aconchegante para os visitantes.

A casa abre de quinta-feira a domingo, além de feriados, servindo frutas colhidas no pomar do próprio restaurante. O restaurante também trabalha com a culinária internacional e drinques refrescantes.

Como chegar

O trajeto até a Chapada dos Veadeiros pode ser feito de ônibus de linha, de carro ou de avião, tomando como ponto de referência Brasília.

Do aeroporto de Brasília até Alto Paraíso de Goiás, por exemplo, são 265 km. Você pode alugar um carro ou ir de ônibus.

Para ir de Brasília ao distrito de São Jorge pegue a BR-020, sentido Formosa-GO.

Onde ficar

Os municípios que integram a Chapada dos Veadeiros têm várias opções de pousadas, hostels, hotéis e áreas de camping. Aí vão algumas dicas de pousadas para você.

Deseja procurar mais opções da rede hoteleira da Chapada dos Veadeiros? Faça uma pesquisa mais detalhada nos sites do Booking, TripAdvisor e Airbnb.

Você acredita que a Chapada dos Veadeiros tem um poder especial? Assim como a Chapada dos Guimarães, o complexo é belíssimo.

Os místicos que frequentam o local dizem que a placa de quartzo sob a região tem uma força sobrenatural para promover o autoconhecimento e a paz interior.

Então, gostaria de conhecer melhor a região? Deixe seu comentário aqui sobre o passeio que você mais gostaria de fazer.

Gizele Silva
Formada em jornalismo pela Universidade Estadual de Ponta Grossa, no Paraná, e especialista em Mídia, Política e Atores Sociais. É produtora de conteúdo para web e redes sociais na área de turismo e empreendedorismo – https://linkedin.com/in/maria-gizele-da-silva-39935a110/.